19/03/20 | 16:00
Semtepi celebra o Dia Mundial do Artesão

 

 

A prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), em comemoração ao dia do artesão que acontece hoje, 19 de março, parabeniza e agradece todos os profissionais que se dedicam com garra e paixão a esta profissão.

Como todos nós sabemos, o artesanato brasileiro é um dos mais ricos do mundo e proporciona o sustento e recomeço de muitas famílias. Com isso, reunimos alguns dos nossos artesãos que fizeram parte de cursos através do Departamento de Economia Criativa e Solidária, como a Manaus feita à Mão, cursos que promovem  as atividades do artesanato manauara, através de participações em feiras nacionais e internacionais. Além de oferecer capacitação aos artesãos, também oferecem o aperfeiçoamento de produtos e com isso novas oportunidades no mercado de trabalho.

 

 

As artesãs Layze e Lilian Fernandes, responsáveis pela marca “Kurupira – Artesanato da Amazônia”, contam que esse tipo de oportunidade só agregou ao trabalho delas. “Através de cursos da Semtepi, nos despertou a curiosidade em criar, ter algo exclusivo nosso, nós puxamos mais a valorização da nossa cultura e entramos no meio das matérias primas naturais”, conclui. Hoje, Layze e Lilian ja trabalham como artesãs há 5 anos, com sua nova marca Kurupira, elas produzem seus próprios produtos, incluindo, bonecas de pano, chaveiros e objetos de decoração.

 

 

O artesão Denizal Melo, trabalha há 8 anos criando peças únicas com componentes eletrônicos descartáveis. Ele conta que sua vida mudou completamente após engrenar na área do artesanato. “O artesanato trouxe para mim oportunidade de inovar, fazer diferente. Mostrar meus projetos fora de Manaus.” Conclui. Denizal conta, também, de seus projetos em escolas. “Com meus projetos tive a oportunidade de ir a escolas ensinar para as crianças sobre educação ambiental usando o meu artesanato”. Denizal, que já fez várias parcerias com a Semtepi, representou a secretaria na maior feira da América Latina. Hoje, Denizal tem vários projetos, incluindo: inovação tecnológica, artesanato reciclável de eletrônicos, artesanato tradicional, regional e indígena.

 

 

 

A artesã Val França, trabalha com madeira, fibras e sementes da Amazônia. Ela conta que ser artesã significa oportunidade. “Ser artesã para mim significa oportunidade, oportunidade de você fazer melhor com aquilo que você tem em mãos” disse. Val França trabalha se inspirando em nossa cultura Amazonense e também brasiliense. “Meus produtos tem a identidade da nossa região, da floresta. A minha inspiração, por ser da floresta, vira um ponto muito importante para o meu trabalho, para desenvolver meu artesanato.” Completou. Desde 2014, Val, fez várias parcerias com a Semtepi através da Economia Criativa e Solidária. Incluindo, a revista do artesanato manauara e o site portal do artesanato.

Neste dia queremos reconhecer a importância do artesão para toda a sociedade, inclusive para você, mesmo que não conheça nenhum. Este profissional contribui altamente para o folclore, cultura e até mesmo para a moda de nossa cidade, desta forma ele influência com sua arte vários fatores que compõem a nossa vida hoje em dia. Parte do que temos culturalmente hoje devemos a este tipo de profissional desde o inicio dos séculos.

Nós prestigiamos este dia do Artesão e prestamos nossa admiração por esta profissão tão antiga e única como o Artesanato, que envolve muita dedicação, técnica e talento.

Confira o trabalho dos nossos artesãos em https://portaldoartesanato.manaus.am.gov.br/

 


 

Texto: Adriane Pacheco / Semtepi

Fotos: Ian Damasceno / Semtepi